Que diferença pode uma pessoa fazer ao tornar-se vegana?

Quantas vezes já disseste a ti próprio que não vale a pena tentar reduzir a quantidade de plástico que usas, ou apanhar o comboio em vez de ires de carro, ou deixar de comer carne – porque todos os outros ainda compram ou usam essas coisas?

Embora possa parecer que individualmente é impossível fazer a diferença neste mundo, se todos nós tomássemos a atitude de que não podemos fazer a mudança sozinhos, nunca evoluiríamos. Colectivamente, podemos fazer progressos reais, mas isso começa com os esforços de apenas uma pessoa. Pensemos no caso de Martin Luther King ou Emmeline Pankhurst – toda a mudança significativa começa com a visão dos indivíduos.

Portanto, que mudança pode uma pessoa fazer ao tornar-se vegana, mesmo que seja apenas pela Quaresma?

Em média, uma pessoa que se torna vegana por apenas um mês pode salvar a vida de 30 animais. Portanto, um período de 40 dias equivale a cerca de 40 animais salvos. É um número enorme de vidas poupadas num período de tempo tão curto – imagina quantos seriam se fosses vegano durante um ano, uma década ou mesmo para o resto da tua vida!

Mas não são só as vidas dos animais que estarias a salvar se fosses vegano. A agropecuária é uma das principais causas das alterações climáticas e a produção de carne ou produtos lácteos utiliza uma quantidade enorme de terra e água. Se fosses vegano durante um mês, pouparias 280 quilos de emissões nocivas de dióxido de carbono, 913 metros quadrados de floresta – que é arrasada para dar espaço a animais de criação – e 126 litros de água.

Na realidade, tornares-te vegano é a maior forma de reduzir o teu impacto no planeta, de acordo com cientistas da Universidade de Oxford.

Ou seja, embora possa parecer que o veganismo não vai mudar nada porque os teus amigos, família, colegas e conhecidos parecem estar a comer produtos animais, estás a fazer uma enorme diferença no ambiente, nas vidas dos animais e, potencialmente, também na tua saúde ao optares por uma dieta à base de plantas.

Mas não vai demorar uma eternidade para as coisas mudarem realmente?

Um número desconcertante de animais são mortos todos os anos para a produção de alimentos – mais de 70 mil milhões de animais terrestres e triliões de peixes. O veganismo pode não salvar os milhões de milhões de animais nas explorações agrícolas e matadouros actuais, mas ao optar por alimentos à base de plantas, estarás a fazer parte de um grupo maior de pessoas que reduz a procura de carne, lacticínios e ovos. Quanto menos produtos de origem animal forem vendidos, menor será o número de encomendas das lojas e, por sua vez, a procura de animais diminuirá.

O mercado de alimentação vegetariana e vegana em Portugal aumentou 514% nos últimos dez anos, entre 2008 e 2018, o que representa uma clara adaptação à explosão da procura que se tem verificado por todo o país. Em 2008 seriam apenas 28 as lojas e/ou restaurantes com esta vertente, e em 2018 já eram pelo menos 172 estabelecimentos. Portugal tem assistido a um incrível crescimento da tendência vegetariana e vegana, que parece ser um fenómeno transversal a toda a Europa. Em 2017, ficámos a saber que cerca de 120.000 portugueses seguem uma alimentação vegetariana, das quais pelo menos 60.000 serão veganas.

Entretanto, as vendas de carne fresca, leite fresco e queijo fresco estão em declínio – as vendas de carne nos EUA têm vindo a diminuir há uma década, e essa tendência está a espalhar-se por todo o mundo.

Influenciar os amigos e a família

Ao optar por alternativas veganas, também estarás a influenciar amigos e familiares a experimentarem alimentos à base de plantas. Embora possam precisar de algum incentivo para se tornarem veganos, o poder de um exemplo positivo nunca deve ser subestimado!

E pensa no que os indivíduos são capazes de alcançar ao espalhar a palavra. Genesis Butler, a activista norte-americana e figura de destaque da campanha Million Dollar Vegan, tinha apenas 10 anos quando deu a sua palestra TEDx sobre a sua visão para curar o planeta. Esse vídeo já foi visto quase 70.000 vezes no YouTube e sem dúvida inspirou inúmeras pessoas a optarem por alternativas à carne e aos lacticínios. E embora a Genesis agora tenha uma grande presença online, através da qual pode partilhar as suas opiniões, não deixa de ser apenas uma pessoa capaz inspirar mudanças em todo o mundo.

Em caso de dúvida, lembra-te que podes ser apenas uma pessoa, mas juntos podemos conseguir grandes coisas.

Para experimentar o veganismo durante a Quaresma e ver que diferença podes fazer, descarrega gratuitamente o Kit de Iniciação ao Veganismo do Million Dollar Vegan: talvez venhas a mudar o mundo.

Descarrega o KitAssina a Petição

Adopta a dieta vegana durante a Quaresma

Descarrega o Kit