A carta aberta ao Papa Francisco, escrita pela Genesis Butler

Esta carta foi publicada no The New York Times (EUA), The Guardian (Reino Unido), no Público (Portugal) e em jornais nacionais de 12 outros países nos dias 6 e 7 de Fevereiro de 2019.

Vossa Santidade, Papa Francisco…

Aproxima-se a Quaresma – um período de esperança e reflexão – e escrevo-lhe com um profundo respeito e apreciação por se manifestar em relação às alterações climáticas, à perda de habitats naturais e à poluição, e por ajudar a relembrar o mundo de que a Terra é o lar que todos nós partilhamos.

Na sua carta encíclica, Laudato Si’, mencionou que todos os esforços para proteger e melhorar o mundo terão de envolver mudanças de estilo de vida, de produção e de consumo. Concordo profundamente e procuro, neste momento, o seu apoio no combate a uma das maiores causas subjacentes aos problemas que enfrentamos: a pecuária.

Os actuais hábitos alimentares das nações predominantemente mais ricas estão a provocar uma cadeia de destruição e devastação global. A pecuária utiliza 83% dos terrenos agrícolas, embora produza apenas 18% das calorias que consumimos. Hoje em dia, há 815 milhões de pessoas no mundo a sofrer de má nutrição. Imaginemos quantos povos famintos poderíamos alimentar, caso nos afastássemos da produção de alimentos ineficientes.

A pecuária não só afecta negativamente os povos mais carenciados do mundo, como ainda contribui em 14.5% para as emissões de gases com efeito de estufa provocadas pelos humanos. Esta indústria é também a principal causa de desflorestação e da actual extinção em massa da vida selvagem. Os resíduos dos animais de criação e os agroquímicos utilizados estão a poluir os nossos rios, enquanto a pesca excessiva e a contaminação de poluentes dizimam os nossos oceanos.

Vossa Santidade, temos de agir. Caminhar para uma dieta à base de plantas trará benefícios substanciais para o meio ambiente. Protegerá o solo, as árvores, os oceanos e a atmosfera, e ajudará a alimentar as populações mais vulneráveis. Também poderá melhorar a saúde humana, uma vez que está provado que uma alimentação 100% vegetal reduz o risco de incidência de muitas doenças crónicas comuns. Em resultado destas evidências, um número cada vez maior de médicos e especialistas em nutrição defendem a adopção de uma dieta 100% vegetal à base de alimentos integrais em documentários como o What The Health.

Todas estas questões são de grande importância para mim e é pelos milhares de milhões de animais presos, que nunca verão a luz do dia nem serão autorizados a criar os seus filhos, que o meu coração mais sofre. Por este motivo, criei a organizaçao sem fins lucrativos Genesis For Animals.

Em 2017, tornei-me a oradora mais nova de sempre a dar uma palestra TEDx, na qual falei sobre a minha visão para curar o planeta e como abraçar o veganismo pode reverter os danos que causámos até agora. A minha jornada para ajudar a salvar o planeta teve início graças ao meu amor pelos animais e o meu foco aumenta à medida que me informo sobre os perigos e as consequências do nosso actual sistema de produção alimentar. Temos de agir e precisamos do apoio de líderes influentes, como é o seu caso.

Hoje, Papa Francisco, peço-lhe que se junte a mim e se abstenha de todos os produtos de origem animal durante a Quaresma e que apoie a campanha Million Dollar Vegan.

Caso aceite juntar-se a mim, a Blue Horizon International Foundation doará 1 milhão de dólares a uma ou mais instituições de solidariedade social à sua escolha, num gesto da mais profunda gratidão pelo seu compromisso com esta causa.

Ficaria encantada em visitá-lo para podermos discutir estes assuntos.

Os meus melhores desejos para a Vossa Santidade,

Genesis Butler, 12 anos de idade

Apoia a Genesis e pede ao Papa Francisco que lidere dando o exemplo e experimente tornar-se vegano durante a Quaresma

Assina a Petição

Adopta a dieta vegana durante a Quaresma

Descarrega o Kit