É natural comer carne

O que é “natural”? A galinha que não consegue sobreviver seis semanas sem o coração falhar, o peru que não consegue se reproduzir sem intervenção humana ou a vaca reproduzida por meio de manipulação genética para produzir muito mais leite do que é bom para a saúde dela?

Os animais da pecuária são inseminados artificialmente, enfrentam várias mutilações e são selecionados geneticamente para produzir grandes ninhadas. Eles são modificados para ganhar peso rapidamente, exceto no caso das galinhas produtoras de ovos. Nesse caso, elas são criadas para não ganhar muito peso, já que isso seria perda de comida. Os animais são alimentados com ração artificial, têm seus ciclos de reprodução manipulados com esponjas intravaginais e vivem em espaços em que a duração do dia é administrada por meio de iluminação artificial. Não é possível imaginar qualquer coisa menos natural do que a indústria pecuária.

Muitas vezes, quando as pessoas dizem que comer carne é “natural”, elas realmente afirmam duas coisas: sempre fizemos isso (o que não é verdade) e que temos todo o equipamento biológico necessário para comer carne (novamente, não é verdade).

A comida que nossos ancestrais consumiam dependia de qual era eles viviam, de sua localização geográfica, além da estação do ano, do clima e das condições meteorológicas. Mas antropólogos afirmam que nossos ancestrais mais antigos eram predominantemente vegetarianos.1 Como outros macacos, eles tendiam a apenas pegar carne que os verdadeiros carnívoros deixavam para trás.

Look at your hands and teeth – they are useless for ripping flesh (the canine teeth people cite as ‘proof’ that we should eat meat look nothing like the canines of carnivores and are misnamed). And our lack of speed means we would not even be able to outrun a lame antelope. These things are not a problem for true carnivores, like jaguars and tigers but they do set us apart from them.

Olhe para suas mãos e dentes – eles são inúteis para rasgar carne (os dentes caninos que as pessoas citam como “prova” de que devemos comer carne não se parecem com os caninos de carnívoros e são nomeados assim equivocadamente). E nossa falta de velocidade significa que nem seríamos capazes de superar um antílope manco. Essas coisas não são um problema para os verdadeiros carnívoros, como onças e tigres, mas eles nos diferenciam deles.2

Finalmente, devemos nos perguntar: se comer carne é tão natural, por que os que comem carne sofrem de doenças cardíacas, obesidade, diabetes tipo 2 e alguns tipos de câncer mais que os veganos?3

Participe agora de nossa campanha para experimentar o veganismo por 31 dias em janeiro com o nosso apoio. Você receberá, gratuitamente, acesso ao Guia de saúde e nutrição, às Receitas Veganas e ao Guia de veganismo para iniciantes.

1 https://blogs.scientificamerican.com/guest-blog/human-ancestors-were-nearly-all-vegetarians/

2 https://emedicine.medscape.com/article/175569-overview#a7

3 Journal of the Academy of Nutrition and Dietetics, ‘Position of the American Academy of Nutrition and Dietetics: Vegetarian Diets’, 2016 [https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/27886704]

Participe e experimente o veganismo em janeiro

Participe